Mais notícias interessantes
7 soluções antifraude para cartão de crédito que você deve conhecer
June 17, 2021
·
3 minutos de leitura
7 soluções antifraude para cartão de crédito que você deve conhecer

Você se preocupa com a segurança de dados da sua empresa? O aumento das transações digitais realizadas com cartão de crédito é um fator que contribui para o crescimento dos crimes de fraude. Diante desse cenário alarmante, é essencial garantir a proteção dos dados. Com isso, surge a importância de investir em soluções antifraude de cartão de crédito.

Por se tratar da forma de pagamento preferida dos brasileiros, o cartão de crédito é muito visado para os criminosos que se aproveitam desse fato para aplicar golpes, como a clonagem e o gerador de números falsos de cartões. Afinal, as fraudes são situações prejudiciais para a imagem e a reputação do empreendimento, afastando os clientes e minando a confiança do mercado na empresa.

Neste post, você vai conhecer as fraudes mais comuns com cartões de crédito e como evitar que elas aconteçam na sua empresa!

1. Contratação de um intermediador de pagamentos

A empresa deve ter uma infraestrutura organizada e capaz de proteger os sistemas contra fraudes diante de cada transação processada nas compras de todos os clientes. Essa tarefa é facilitada por meio da ajuda de um intermediador de pagamentos.

Essa ferramenta tem a função de otimizar as operações envolvendo os pedidos, como o recebimento de pagamentos, a análise de risco, a liberação do pedido, entre outras fases, levando em conta requisitos de segurança da informação. Em troca, o sistema cobra um determinado percentual referente a cada venda.

2. Criação de um banco de dados

A criação de um banco de dados próprio da empresa é uma ferramenta valiosa para a futura análise antifraude das operações. A gestão e armazenamento de informações em um único lugar permite aos colaboradores o acesso aos:

  • registros de compras dos clientes e seus eventuais pedidos de estorno;
  • histórico de clientes suspeitos ou problemáticos;
  • possíveis tentativas de fraude que falharam anteriormente etc.

3. Monitoramento dos indicadores

A prevenção de fraudes envolve o trabalho equilibrado entre 3 indicadores principais: a taxa de aprovação, o índice de chargeback e o tempo de resposta. Afinal, mesmo que você tenha um sistema robusto e protegido, de nada vai adiantar eliminar os golpes, se a sua empresa estiver impedindo os clientes de chegarem até você. Esse último, certamente, pode trazer perdas financeiras maiores do que a fraude, por si só.

Nesse sentido, você deve avaliar as métricas indicadas e oferecer um bom atendimento ao cliente, de modo a melhorar a experiência desse público. A demora no atendimento, como sanar dúvidas, aprovar um pedido e enviar a encomenda, são situações que afetam a satisfação dos clientes e prejudicam a relação de confiança com os seus clientes.

4. Instalação de um sistema antifraude de cartão de crédito

Toda empresa precisa dispor de uma ferramenta antifraude adequada e que seja capaz de assegurar a segurança das operações e proteger os dados dos clientes. Esse sistema contém protocolos de segurança, mecanismos de criptografia, checagem de rotina, backups, entre outras funcionalidades que asseguram a legitimidade das operações corporativas.

Nesse sentido, existem diversos softwares disponíveis no mercado, os quais prometem garantir a proteção dos dados e eliminar o acesso ao sistema por invasores e terceiros mal-intencionados, como recursos que utilizam inteligência artificial, big data e business intelligence.

Além disso, é possível consultar uma base de dados de comportamento que permite a verificação do perfil dos usuários suspeitos no banco de dados de fraudadores. Dessa forma, é possível detectar ameaças por meio da análise do histórico de compras e da atividade do usuário na plataforma, a partir do momento em que ele começa a interagir com o negócio. De qualquer forma, você precisa conhecer as particularidades do seu negócio, para assim, escolher a ferramenta que melhor se encaixa nas necessidades da empresa.

5. Escolha uma plataforma segura

Eventuais problemas na infraestrutura de plataformas costumam deixar o sistema desprotegido e vulnerável à ação de terceiros. Nesse sentido, a segurança dos dados da empresa está diretamente ligada às características da plataforma estabelecida para analisar a legitimidade das transações.

Uma plataforma adequada e segura contém funções de alta tecnologia, como geolocalização, detecção de proxy e IP e demais informações relevantes que permitem identificar potenciais ameaças de fraudes.

Essa ferramenta também pode contar com ferramentas de inteligência artificial que conseguem monitorar o comportamento dos consumidores e identificar rapidamente os padrões mais comuns de ações realizadas por fraudadores.

6. Busca de um parceiro antifraude especializado

Nem sempre a equipe de TI da própria empresa tem a capacidade de lidar efetivamente com os problemas inerentes às fraudes. Sendo assim, o ideal é sempre contar com o apoio de um parceiro especialista em antifraudes.

Afinal, a contratação de profissionais experientes e com maior expertise nesse assunto é uma estratégia essencial, pois eles são capazes de mapear e analisar detalhadamente o sistema e adotar as medidas de proteção necessárias. Esses profissionais conseguem identificar as brechas e possíveis ameaças.

7. Implemente um mecanismo de validação de identidade

A validação de identidade ajuda a verificar a veracidade das informações fornecidas pelos usuários, com o intuito de confirmar se o titular do documento é realmente a pessoa que está apresentando no cadastro ou efetuando a compra no site, por exemplo. Dessa forma, evita-se a fraude de identidades.

Essa medida pode ser efetivada por meio da disponibilização de formulários de validação, em que o usuário deve responder a algumas perguntas específicas sobre si. Caso a resposta não seja a correta, há um indício de potencial fraude.

O investimento em um sistema antifraude de cartão de crédito é essencial para combater operações ilícitas. Essa ferramenta de segurança digital traz vários benefícios, como a maior praticidade para avaliar pagamentos dos clientes, a redução de prejuízos financeiros, a otimização das operações de aprovação e liberação das compras.

Quer manter a segurança dos seus clientes e a continuidade dos negócios? A Truora pode ajudar com sistemas antifraude de cartão de crédito! A solução Signals detecta e previne fraudes em tempo real por meio da combinação de tecnologias de Inteligência Artificial, Machine Learning e motor de regras. Além disso, a ferramenta se conecta a webhooks, emite alertas e envia sugestões sobre a não execução de uma ação suspeita e com riscos.

Compartilhar
Sugerido para você